NOTÍCIAS    |    REVISTAS    |    ED. DIGITAL    |    BLOGS    |    ASSINE JÁ    |    LIVROS
assista o vlog atual aqui
veja mais vídeos
SOBRE BLOG NOTÍCIAS ARTIGOS FOTOS VÍDEOS CURSOS TREINAMENTO/PALESTRA CONTATO

Cafú já ganhou essa parada
Na noite desta terça-feira, 28, Felipe Mojave esteve com a namorada, Carol Oliveira, em premio em Sao Paulo.

Felipe Mojave é o novo líder do MasterMinds IV
Jogador tem stack de 92 big blinds

High Roller BSOP Millions: Mojave fica em 4°.
Fernando "Grow" foi o campeao.

Conheça os integrantes do Team Mojave
Jogadores vao jogar o BSOP Millions de graça

 
veja mais notícias   
 

13/11/2011 01:11:26
Mojave chega a WSOP 2011 visando regularidade: "bracelete é consequência"

16/06/2011 Superpoker



Uma das esperanças brasileiras para reverter os resultados pouco animadores dos jogadores do país neste início da World Series Of Poker 2011, Felipe "Mojave" Ramos desembarcou em Las Vegas na última quarta-feira em busca de um único objetivo: regularidade.

Em entrevista ao SuperPoker um dia antes de ir para os Estados Unidos, o profissional do Full Tilt revelou que prefere trazer vários bons resultados a uma única conquista excpecional. Mesmo que isso signifique ficar sem o cobiçado bracelete de ouro.

"Sinceramente, nem estou pensando em bracelete. O fato de ganhar o bracelete é um detalhe, uma consequência de um trabalho bem feito. O meu objetivo é alcançar mesas finais. Não é ganhar bracelete", disse Mojave.

"Consistência é o nome do negócio. Jogar 20 torneios, fazer zero ITMs, mas ganhar o bracelete em um deles, não é o que estou buscando como jogador de poker. Sei da importância que teria para mim ganhar um bracelete, mas prefiro muito mais ter, por exemplo, duas mesas finais e duas chances de ganhá-lo", continuou o craque brasileiro.

Considerado o melhor jogador de Omaha do país, Mojave avalia ter chances em qualquer modalidade. "Sou um jogador muito mais forte em Mixed Games e Omaha, do que em NL Holdem. Mas acho que minhas chances de ganhar em todos eles são as mesmas, porque não me considero um especialista, mas um estudioso que conhece praticamente todos os jogos, porque eu realmente pratico todos eles diariamente", falou o jogador, cujo melhor resultado na WSOP foi a sexta colocação no Evento 35 da edição de 2009, na modalidade PL Omaha.

Para conseguir a consistência desejada, Mojave vai "grindar pesado" nesta WSOP, e pretende estar nas mesas do Rio All-Suite Hotel & Casino todos os dias. "Vou jogar todos os eventos até US$ 5.000, sempre que houver tempo hábil. Vou jogar dois ou três eventos de US$ 10.000 e, se tiver um bom resultado durante esse período, meu sonho é jogar o US$ 50.000 Players Championship", falou o craque do Full Tilt, que deve estrear nesta quinta-feira, ou no Evento 28 (NLH US$ 1.500), ou no 29 (10-Game 6-max).

 
® www.felipemojave.com.br - Powered by Card Player Brasil - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.